Esperar! Oferta especial!

Obtenha o CactusVPN por $2.7/mês!

Economize 72% agora
Garantia de reembolso em até 30 dias

Como mudar o endereço IP (6 opções)

How to Change IP Address

Seu endereço IP atua como um identificador para o aparelho que você usa para acessar a web. Apesar de tornar possível a comunicação com sites, o IP também pode ameaçar sua privacidade se você não escondê-lo.

Fazer isso pode parecer complicado, mas não precisa ser assim. Vamos mostrar como você pode mudar o endereço IP neste guia.

Mas, primeiro: Por que você deveria mudar a localização do seu IP?

Existem muitas razões para fazer isso:

Contornar limitações geográficas

Limitações geográficas são uma forma de controle de conteúdo que permite aos sites limitarem o acesso a suas plataformas ou a várias páginas da web com base em seu endereço IP.

Por quê?

Porque seu endereço IP vaza informações que revelam sua localização geográfica – especificamente de qual país você é.  

E provedores de conteúdo precisam respeitar direitos autorais e normas de licenças que lhes proíbem de transmitir seu conteúdo ao redor do mundo. Alguns bons exemplos de tais provedores incluem a Netflix, Pandora Radio e Hulu.

Mas se você aprender a mudar seu endereço IP, não precisará lidar com isso.

Contorne Firewalls

Firewalls são programas ou hardware que administradores de rede e provedores de internet usam para ditar em quais sites os usuários de uma rede podem ou não navegar.

Geralmente, você vai encontrar firewalls na faculdade, no trabalho e em países com regimes opressores que forçam provedores de internet a bloquear sites específicos.

Normalmente, quando você se conecta a uma rede, ela atribui um endereço IP ao seu aparelho. Bem, o firewall da rede já apresenta regras de tráfego de saída e de entrada para o endereço IP que você obtém, evitando que você acesse o conteúdo online que deseja.

Então, a chave para contornar um firewall é ocultar seu endereço IP assim que você se conectar à rede. As regras do firewall não vão mais se aplicar a você, que ficará livre para navegar na web como quiser.

Oculte informações pessoais sobre sua vida

Seu endereço IP pode revelar muitas coisas sobre você. Por exemplo, um hacker poderia usá-lo para descobrir coisas como:

  • Em qual país você vive
  • Em qual cidade você vive
  • Qual é o seu provedor
  • Qual o seu código postal (CEP)

Assustador, não é?

Não estou dizendo que alguém pode usar essas informações para descobrir imediatamente onde fica sua casa, mas eles podem, por exemplo, tornar seu provedor de internet um alvo de ataques de vishing e phishing, para fazê-lo revelar informações sensíveis sobre você. Isso já aconteceu com um provedor canadense.

Além disso, com serviços como o IPinfo, alguém poderia até descobrir mais coisas sobre você simplesmente usando seu endereço IP – como sua região ou fuso horário específico, ou até mais detalhes sobre seu provedor. 

Contornar Banimentos de IP 

Poucas coisas são tão irritantes na vida como ter o IP banido em seu servidor de jogos favorito por um administrador que não sabe perder, porque pensou que você estava “roubando”, quando, na realidade, você só era melhor que ele no jogo. 

Mas, se você aprender a mudar o endereço IP na hora, pode facilmente contornar o banimento injusto, e voltar para o jogo imediatamente.

Além disso, ocultar seu endereço IP verdadeiro também pode ajudar você a ter acesso a jogos novos mais cedo, e jogar títulos que seu país proibiu. 

Evitar ser alvo de ataques DoS/DDoS

Durante um ataque DoS/DDoS, alguém inunda sua rede com solicitações e tráfego indesejado – ao ponto de forçar você a ficar offline.

Normalmente, isso ocorre durante partidas online nas quais jogadores com sérios problemas para controlar sua raiva usam ataques DoS/DDoS para desconectar outros usuários.

E ataques DoS/DDoS não são muito difíceis de realizar. Na verdade, qualquer hacker amador pode comprar um por apenas US$5 ou US$10 por hora.

Mas se você ocultar seu endereço IP, nenhum hacker poderá encontrar sua rede, então, ninguém poderá realizar um ataque Dos/DDoS.

Esconda suas pegadas digitais

Sites, motores de busca, plataformas de redes sociais e até anunciantes mantêm um registro de sua navegação online ao se conectar ao seu endereço IP. 

Na verdade, anunciantes podem até exibir anúncios personalizados com diferentes conteúdos para você apenas por saber qual seu endereço IP. Sem mencionar que motores de busca compartilham seus dados (que, obviamente, incluem seu endereço IP) com anunciantes.

Assim, se você procurar no Google algo aleatório como cortadores de grama, não deve se surpreender se começar a receber spam com anúncios sobre cortadores de grama em qualquer site que você visitar, a partir daí. 

Obviamente, esconder o endereço é uma ótima maneira de proteger sua privacidade. Afinal, não é da conta de ninguém o que você pesquisa online.

Torne arquivos torrent menos assustadores

“Espera aí – torrent é assustador? Por que eu preciso aprender como alterar meu endereço IP para baixar torrents?”

Muito simples – porque cada membro do Swarm pode ver seu verdadeiro endereço IP. Eles só precisam dar uma olhada na aba Pares. 

E, como já mostramos a você, seu endereço IP pode revelar muitas informações sensíveis sobre você.

Além disso, há outra coisa a considerar – agências de monitoramento de torrent e trolls de patentes frequentemente baixam torrents e conferem os endereços IP na aba Pares. Então, eles usam essa informação para contactar provedores, solicitando informações de contato das pessoas.

Ocultar seu endereço IP garante que você não precisa lidar com nada disso.

AVISO LEGAL: A CactusVPN não encoraja ou tolera de forma alguma a violação de direitos autorais. Mas compreendemos que muitas pessoas precisam baixar torrent para ter acesso a programas e conteúdos específicos.

Como mudar o endereço IP

Here are six things you can try, ranked from most efficient to most inconvenient:

1. Use VPN Services

Aqui estão seis coisas que você pode tentar, listadas da mais eficiente para a mais inconveniente:

1. Use uma VPN

Uma VPN (Rede Virtual Privada) é um serviço online que oculta seu endereço IP. Basicamente, é só assinar um serviço de VPN, baixar e instalar o aplicativo certo para seu aparelho, executá-lo e conectar-se ao servidor VPN a sua escolha.

Depois de fazer isso, o servidor automaticamente substitui seu endereço IP verdadeiro por seu próprio endereço. Qualquer pessoa que o vê e tentar rastreá-lo a partir daí só vai encontrar informações associadas ao servidor de VPN, não a você. 

Mas tem mais – uma VPN também criptografa seu tráfego online, tornando-o completamente ilegível para qualquer pessoa que tentar dar uma olhada. Isso é extremamente útil, já que ajuda você a:

Precisa de uma boa VPN?

Você está no lugar certo.

Nós oferecemos mais de 30 servidores VPN de alta velocidade com banda larga ilimitada – nove delas com suporte para tráfego P2P. 

Nosso serviço vem com criptografia de nível militar e suporta seis protocolos de VPN: SoftEther, IKEv2, OpenVPN, SSTP, L2TP/IPSec e PPTP.

Além disso, não mantemos registros e nossos aplicativos funcionam na maioria das plataformas mais populares. 

Nossos servidores também funcionam como proxies – gratuitamente, é claro.

Oferta especial! Obtenha o CactusVPN por $ 2.7 / mês!

E assim que você se tornar um cliente CactusVPN, ainda teremos sua garantia de devolução do dinheiro por 30 dias.

Economize 72% agora

2. Use um servidor Proxy

Assim como uma VPN, um proxy também oculta o seu endereço IP. Essencialmente, o servidor intercepta seus pedidos de conexão e os encaminha para a web em seu nome – usando seu próprio endereço IP, é claro.

Proxies também têm um cache local, o que pode acelerar o tempo que uma página leva para carregar se você solicitar conteúdo que o proxy já salvou.

Mas proxies não são tão bons quanto servidores VPN. 

Por quê?

Porque não oferecem o mesmo nível de segurança. Então, enquanto você pode ser capaz de ocultar seu endereço IP para proteger sua privacidade, não conseguirá criptografar seu tráfego adequadamente, o que não é o ideal.

Geralmente, é uma boa ideia adquirir uma VPN cujos servidores também funcionam como proxies – assim, você obtém tanto recursos do proxy quanto servidores mais seguros.

3. Use seus dados móveis

Uma alternativa para as duas primeiras opções é apenas passar a usar seus dados móveis quando você estiver realizando suas atividades. É um sistema diferente do utilizado pelo seu laptop ou computador, então, ele obtém um endereço IP diferente.

É claro, não fará muito por você – no máximo, pode ser útil se você não quiser lidar com anúncios direcionados e ataques DoS/DDoS em seu laptop ou computador. 

Além disso, se você tem um plano de dados limitado, não pode usá-lo exatamente 24h por dia, 7 dias por semana, a menos que queira pagar muito mais caro.

4. Use uma rede Wi-Fi

Toda vez que você se conecta a uma rede Wi-Fi, ela atribui um novo endereço IP a você usando o DHCP (Dynamic Host Configuration Protocol).

Mas fazer isso não é muito prático. 

Vamos encarar – você vai mesmo para sua cafeteria favorita usar o Wi-Fi deles toda vez que precisar ocultar seu endereço IP?

Sem mencionar que essa dica só funciona em laptops e aparelhos móveis, não em computadores.

Ah, e a segurança também é um enorme problema, quer dizer, a falta dela.

Redes Wi-Fi públicas quase não usam criptografia (já que não requerem uma senha), de modo que hackers podem facilmente bisbilhotar suas comunicações online, se quiserem.

E, infelizmente, nem mesmo redes protegidas são uma aposta segura – o WPA2 é o padrão atualmente, e apresentou uma séria vulnerabilidade. Pior ainda – o WPA3 (que vai levar algum tempo para deslanchar) também não é 100% seguro.

Em geral, o melhor é você testar nossas sugestões – como usar uma VPN ou proxy.

Ainda assim, isso não significa que você nunca deve usar Wi-Fi pública. Você pode usar, mas assegure que usa uma VPN para criptografar seu tráfego também.

5. Desligue seu modem

Antes de começarmos a falar sobre isso, tenha em mente que essa dica funciona principalmente se seu provedor lhe atribuiu um endereço IP dinâmico – basicamente, um endereço que muda regularmente, e não permanece o mesmo.

Com isso fora do caminho, se você desligar seu modem por algumas horas (sim, horas), seu provedor provavelmente vai lhe dar um novo endereço IP quando você se reconectar ao sistema deles.

Se você realmente quer ter certeza que obtém um novo endereço IP (pelo menos, no Windows), pode fazer o seguinte:

  1. Abra o Prompt de Comando (idealmente, no modo Administrador).
  2. Digite ipconfig/release, e pressione Enter.
  3. Agora, digite ipconfig/renew, e então Enter.
  4. Depois disso, desligue seu computador.
  5. Desligue seus ethernet switches ou hubs, e desligue seu modem.
  6. Deixe assim por algumas horas.
  7. Ligue o modem novamente, ligue os seus ethernet switches ou hubs, e ligue seu computador.

Se seu sistema estiver conectado através de um roteador ao invés de um cabo, você terá que liberar o endereço IP do console. Confira o manual do seu roteador para descobrir como fazer isso, já que a abordagem varia de marca para marca. 

Quando você liberar o endereço IP, siga os mesmos passos que mencionamos acima – desligue switches/hubs, desconecte o modem, deixe assim por algumas horas e então reinicie tudo de novo.

Prático, não é?

Sim, também achamos que não. É muito, muito mais fácil simplesmente usar VPNs e proxies.

6. Converse com seu provedor

Se nenhuma dessas opções for boa para você, é sempre possível simplesmente ligar para seu provedor e pedir para eles mudarem seu endereço IP.

Normalmente, eles aceitarão – bem, a menos que você peça a eles vezes demais e com muita frequência. 

Além disso, pode ser que você tenha que responder a algumas perguntas sobre por que exatamente precisa mudar seu endereço IP.

Ainda assim, no mínimo você pode ser capaz de convencê-los a lhe dar um endereço IP dinâmico. Assim, você pode alterá-lo simplesmente ligando e desligando seu modem – apesar disso não ser tão prático quanto usar uma VPN e um proxy.

O Tor funciona como um IP Changer também?

Na verdade, sim. Afinal, é uma rede de anonimato, e toda vez que você usa o programa, ele esconde seu endereço IP. Também criptografa seu tráfego. 

Então, por que o Tor não está na nossa lista? 

Muito simples – o Tor não é uma forma confiável de mudar a localização do IP.

Para começar, o Tor já teve um grave problema que resultou no vazamento de endereços IP de seus usuários.

Claro, você pode argumentar que os desenvolvedores corrigiram a vulnerabilidade. Mas esse não é o único problema.

O Tor também vai deixar vazar seu endereço IP quando você tenta acessar arquivos Windows DRM. Além disso, clientes torrent também podem deixar vazar seu endereço IP, e você também pode revelá-lo se usar o Tor para abrir alguns tipos de arquivos (como PDFs) que passam por cima de configurações proxy.

E isso é apenas o começo. O Tor também tem problemas com servidores maliciosos, é bem lento (então, não é adequado para baixar arquivos e assistir conteúdo de streaming), e tem laços questionáveis com o governo dos EUA. 

Se quiser saber mais sobre por que o Tor não é uma boa maneira de proteger sua privacidade, confira este artigo.

Como mudar o endereço IP – Para resumir

Seu endereço IP pode revelar muitas coisas sensíveis sobre você. Além disso, o governo, provedores de conteúdo, administradores de servidores e administradores de rede podem usá-lo para restringir seu acesso a conteúdo online.

Então, é sempre uma boa ideia ocultá-lo.

Mas como fazer isso?

Bem, suas opções incluem:

  • Usar uma VPN (a melhor)
  • Usar um servidor proxy
  • Conectar-se a uma rede Wi-Fi pública
  • Trocar para dados móveis
  • Desligar seu modem
  • Conversar com seu provedor de internet
Postado em em Privacy
Tim escreve profissionalmente há mais de quatro anos e produz conteúdo específico sobre VPN, privacidade online e cibersegurança há mais de dois anos. Ele gosta de saber as últimas novidades sobre privacidade na internet, e de ajudar as pessoas a encontrarem novas formas de proteger seus direitos online.